You are browsing the website for customers from Portugal. Based on location data, the suggested version of the page for you is
USA / US
Change country
x

NOVIDADES

2019-05-16

Regras base para seleção de cabos de controlo

O objetivo dos cabos de controlo passa pela transmissão de dados para máquinas e dispositivos usados nas linhas do processo de produção. O constante desenvolvimento de soluções de automação e construção, torna o trabalho dos fabricantes de cabos cada vez mais exigente.  

Como funcionam os cabos de controlo?

O mecanismo de funcionamento dos cabos de controlo passa pela transmissão de um sinal de controlo, ou através da transmissão de dados, enviando sinais analógicos ou digitais entre o dispositivo de controlo e o elemento de automação industrial. Dispositivo de controlo isto exige que este tipo de cabos, contenham uma série de características especiais, não só para responder às exigências da montagem em si, mas também para garantir segurança a longo prazo, assim como estabilidade operacional. De referir que é essencial ter em conta quais os tipos de características mais importantes aquando do processo de escolha de cabos, tendo em conta a sua finalidade e o tipo de utilização futura. As condições e exigências específicas de cada montagem tornam o processo de escolha mais complexo e difícil.

Como escolher os cabos de controlo adequados?

Características importantes a ter em conta aquando da escolha de cabos de controlo
Abaixo encontram-se listadas algumas das características mais importantes a ter em conta:

  • Blindagem – este aspeto importante está relacionado com a interferência eletromagnética que pode ocorrer aquando da proximidade de cabos e dispositivos industriais. É, no entanto, difícil de imaginar uma indústria na qual os cabos se encontram separados e longe dos dispositivos. Este cenário exige mais do material utilizado, podendo também gerar custos adicionais. Uma blindagem de qualidade permite uma melhor proteção contra interferências, e uma melhor qualidade de sinal. Tal não significa que cabos não blindados não tenham a sua utilidade na indústria, pois são extremamente úteis em zonas sem interferências, e consequentemente em locais onde não exista um impacto negativo na qualidade dos dados transmitidos. As blindagens mais utilizadas são: folha de alumínio, trança fabricada a partir de fios de cobre estanhados, ou trança fabricada a partir de fios de aço galvanizado. Um procedimento comum para o reforço da proteção do cabo contra as interferências externas, é a utilização de diferentes tipos de blindagens em simultâneo. Neste caso, não é apenas blindado o cabo em si, mas também os respetivos fios.
  • O fabrico do fio e o material utilizado – os fios de controlo são frequentemente fabricados através da utilização de fio de cobre, normalmente estanhado, devido às suas características condutoras de alta qualidade. Material adequadamente selecionado fornece uma excelente resistência a danos mecânicos. Estão também disponíveis fios banhados a níquel ou prata, fornecendo uma maior durabilidade e resistência a processos químicos.
  • O material isolante é responsável por algumas das características mais importantes dos cabos, definindo também a sua resistência. Os materiais de isolamento de alta classe ajudam a prevenir falhas de transmissão, prolongando a vida útil da montagem. O revestimento externo determina diversas características fundamentais como a resistência ao fogo, resistência a óleos, agentes químicos, radiação UV, assim como danos mecânicos, como o desgaste, cortes ou o esmagamento. O material de isolamento determina ainda a classe de flexibilidade do cabo, e permite criar soluções para aplicações móveis. Os materiais de isolamento mais comuns são: PVC (policloreto de vinila), PUR (poliuretano), FRNC (Flame retardant, non Corrosive), e o LZSH (low smoke zero halogen), um material que não produz gases nocivos durante um incêndio.
  • Conteúdo de halogénio – informações relativas à utilização de halogénios são de extrema importância no que toca à proteção contra incêndios. Mangueiras de halogénio produzem gases tóxicos, enquanto que mangueiras isentas de halogénio são fonte de uma reduzida quantidade de gases não tóxicos.A escolha adequada de cabos, e das respetivas características em conformidade com as exigências do trabalho, minimizam o risco de falhas, prolongando assim a vida útil da montagem. Produtos como o Alpha Wire (serie Pro-Met) e Belden (serie MachFlex) são duas das mais recentes soluções desenvolvidas para responder eficazmente às exigências atuais do mercado. Ambas as soluções fornecem um tipo cablagem altamente adaptável, onde o espaço para a montagem seja limitado.
    Parâmetros Belden Alpha Wire
    Tipo de cabo De controlo De controlo
    Tipo de cabo MachFlex Pro-Met
    Material isolante PVC PVC
    Voltagem nominal 300/500V 450/750V 300/500V
    Cor do isolamento Cinza, transparente Cinza, transparente
    Blindado Em conformidade com a série Em conformidade com a série
    Temperatura de trabalho Em conformidade com a série De -30 a +70ºC
    De -15 a 70ºC ; de -5 a 70ºC
    Filamento de proteção Sim Em conformidade com a série
    Marcação de filamentos Preto numerado; Preto numerado
    Coloridos sem repetição de cores
    Tipo de isolamento Cobre Cobre
    Corte transversal do filamento 0,75…4mm2 0,5…1,5mm2
    Construção do filamento Fio Fio
    Número de filamentos 3…15 2…12
    Construção da blindagem Trança fabricada de fios de cobre estanhados; Trança fabricada de fios de cobre estanhados
    trança fabricada de fios de aço galvanizado
    Diâmetro exterior 5,6…21,4mm 4,77…15,06mm
    Conteúdo da embalagem 50m; 100m 50m; 100m
    Resistência à radiações UV SIM SIM
    Não propaga chamas SIM SIM

linecard

Selecione fabricante ou categoria

Quick Buy

?
Símbolo do produto quan. encomendada
Pré-visualizar

Outras opções Quick Buy

paypal_help

Este sítio Web utiliza cookies. Clique aqui, para saber mas sobre as cookies e as suas definições.

Não mostrar novamente